Moinho de Maré de Corroios

10-04-2017

Não sabia que existia um dia nacional dos moinhos nem que existia um 'dia dos moinhos abertos', mas existe! Segundo o site que organizou: "O conceito desta actividade é extremamente simples: Fazer funcionar em simultâneo e abrir ao público para acesso livre tantos moinhos quantos for possível em todo o país!" Achei interessante e aproveitei a oportunidade para visitar o Moinho de Maré de Corroios. Gosto muito de água e o tempo estava tão agradável para passear ali...
Quando cheguei já estava um grupo de pessoas a ser guiado por um senhor que contava a história do moinho e demonstrava como tudo funcionava. Eu sou uma pessoa que funciono por lógicas e foi muito interessante perceber como funciona um moinho, o que cada peça faz, o trabalho do moleiro tanto a limpar os cereais, moê-los, picar e afinar as mós...
E achei cómico a quantidade de provérbios portugueses que temos por causa dos moinhos. Só para citar um: O senhor estava a explicar que a mó de baixo não roda, só a mó de cima é que trabalha. Por isso quando estamos muito parados, costuma dizer-se que estamos na mó de baixo.
Deixo-vos as fotos da minha visita.